sábado, 28 de setembro de 2013

Anamatra promove evento para discutir o processo judicial eletrônico na Justiça do Trabalho

Estive nos dias 23 e 24 de setembro em Brasília para o evento abaixo:


A Anamatra promoveu nos dias 23 e 24/9)  evento para debater o processo judicial eletrônico na Justiça do Trabalho. O objetivo é discutir, com foco no primeiro grau de jurisdição, o presente e as perspectivas futuras do PJ-e no dia a dia dos magistrados e no próprio funcionamento da Justiça do Trabalho. O evento, que acontece na sede da Anamatra, conta com a participação de juízes que conhecem e operam o PJ-e
Na abertura do evento, o presidente da Anamatra, Paulo Luiz Schmidt, falou sobre o escopo do evento, de viabilizar o acúmulo de conhecimento crítico sobre o processo judicial eletrônico e de possibilitar um diálogo mais efetivo voltado à melhoria do sistema.  “A posição da Anamatra no assunto sairá deste coletivo que está aqui hoje. E espero também que a discussão se amplifique”, afirmou o magistrado na abertura do evento.
Para o diretor de Informática da Anamatra e responsável pela organização do evento, Platon Neto, a visão da entidade é de que não é possível ficar à margem da discussão dos reflexos do PJ-e na vida dos magistrados. “O PJ-e avança na vida pessoal dos juízes, afeta a sua qualidade de vida, sua saúde e inclusive as suas prerrogativas e independência”, ressalta. 
A programação do evento inclui exercícios práticos, debates e exposição de experiências com o PJ-e em diversas regiões da Justiça do Trabalho. O juiz auxiliar da presidência do Tribunal Superior do Trabalho (TST) José Hortêncio Ribeiro Júnior também participará do evento amanhã, falando sobre o PJ-e na perspectiva do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT).

Nenhum comentário: