quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Coordenadoria da AMB discute integração e ampliação da competência da Justiça do Trabalho

A ampliação da competência da Justiça do Trabalho foi um dos principais assuntos discutidos, nesta terça-feira (2), em Brasília, durante a 2ª reunião da Coordenadoria da Justiça do Trabalho da AMB, coordenada pelo Desembargador Plínio Bolívar de Almeida.
Os Magistrados também discutiram a ocorrência de crimes contra a Organização do Trabalho e do Emprego e propuseram que a AMB passe a integrar o Conselho Nacional do Trabalho Escravo. Também foi defendida a necessidade de maior participação da área trabalhista no Congresso Brasileiro de Magistrados, que será realizado em 2012, na Capital paraense.
Durante a reunião, o Presidente da AMB, Nelson Calandra, destacou a importância da discussão de temas ligados aos direitos trabalhistas. “Esse debate é extremamente necessário na AMB. Há 10 anos, o Brasil não condena ninguém pelo trabalho escravo”, advertiu.
Estiveram presentes na reunião, representantes de cinco das sete Associações de Magistrados do Trabalho. “A proposta da AMB, no sentido de maior aproximação entre as entidades representativas dos diversos seguimentos da Magistratura brasileira, está sendo implementada graças ao entendimento das Associações da importância dessa mensagem da AMB”, destacou Plínio Bolívar de Almeida.

Depoimentos
“A reunião foi muito produtiva. Nós conseguimos tirar algumas posições de uma ação conjunta das Associações que permanecem na AMB. Todo diálogo é sempre positivo”
André Vilela, da Amatra da 1ª Região

“A reunião foi positiva e é muito importante que os trabalhistas possam se unir, participando da coordenação e terem encaminhamentos conjuntos com a AMB”
Gabriel Veloso Filho, da Amatra da 8ª Região

“A mensagem principal foi do Coordenador, o Desembargador Plínio, no sentido de uma atuação da AMB em uma pauta em comum com a Anamatra. Entender que esse espaço de discussão de assuntos comuns dos juízes trabalhistas e estaduais”
Gabriel Lopes Coutinho Filho, da Amatra da 2ª Região

“Eu acho que foi muito positiva essa reunião. Os temas colocados em pauta são importantes, são temas de grande interesse dessa área trabalhista”
Sônia Maria Lacerda, da Amatra, da 2ª Região

É permitida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo publicado no Portal da AMB desde que citada a fonte.

Nenhum comentário: