quinta-feira, 7 de abril de 2011

10ª VTB - Conciliação quita verbas rescisórias de 294 trabalhadores


Após amplo debate, foi celebrado hoje (dia 07 de abril) na 10ª Vara do Trabalho de Belém conciliação envolvendo o Sindicato dos Vigilantes em ação que move contra a empresa Sena Vigilância e o Banco do Brasil.

Com o término do contrato entre a Sena e o Banco do Brasil, dezenas de trabalhadores foram dispensados.

Em acordo parcial anterior, já se tinha procedido o levantamento do FGTS dos trabalhadores e a baixa na CTPS, para possibilitar aos mesmos a obtenção de novo posto de trabalho.

Hoje, em mais uma rodada de negociação, onde estiveram presentes quase cinquenta trabalhadores, junto com o Sindicato e os representantes das empresas envolvidas, foi posto fim ao litígio, de forma amigável e consensual.

O Banco do Brasil aceitou, em dez dias úteis, repassar à Justiça do Trabalho visando quitar as verbas rescisórias e a multa de 40% do FGTS o valor de R$-1.143.684,30 (um milhão, cento e quarenta e três mil, seiscentos e oitenta e quatro reais e trinta centavos), sob pena de multa de R$5.000,00 por dia de atraso. A conciliação quitou as verbas rescisórias de 294 trabalhadores.


Os trabalhadores ainda vão se habilitar ao recebimento do seguro desemprego. Após a conciliação, os representantes das partes envolvidas, sindicato, empresa de vigilância que veio de Recife e Banco do Brasil, registraram esse momento junto com o Juiz Carlos Zahlouth, condutor das negociações.

A audiência contou com o inestimável apoio da servidora, Secretaria de Audiências Alice Emi Umemura Pinheiro, que secretariou a audiência.

PROCESSO Nº 0001747-59.2010.5.08.0010

Fonte:
10ª Vara do Trabalho de Belém

Nenhum comentário: