quarta-feira, 6 de outubro de 2010

O PRESIDENTE ELEITO DO TRT 8

Governança sólida e estável, respeitando o legado de todos que o antecederam , preservando valores de forma atualizada com o pilar no planejamento estratégico. Com este enfoque, o desembargador eleito presidente do Tribunal regional do Trabalho da 8ª Região, Alencar, iniciou seu discurso durante a sessão extraordinária do Tribunal Pleno em que foi eleita a nova administração do TRT e que deverá tomar posse na primeira semana de dezembro deste ano.
O desembargador, que ingressou no Tribunal pelo 5º Constitucional da OAB, há exatos 15 anos (5/10/1995), comprometeu-se a administrar alinhado ao Planejamento Estratégico do Conselho Superior da Justiça do Trabalho e reafirmou a disposição em valorizar e, se possível, ampliar ações nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação, e no treinamento de magistrados e servidores. “ O caminho da produtividade passa necessariamente por estes dois pilares”, afirmou o desembargador.
Ainda durante o discurso foi destacada a importância de manter o clima organizacional. O que passaria pela aceitação e prática da gestão compartilhada e participativa, conforme recomendou o corregedor geral, ministro Carlos Alberto Reis de Paula.
Voltado ao ministro Reis de Paula, o presidente eleito do TRT ratificou a importância para o bom clima organizacional da quitação de passivos com a magistratura e servidores, “para não sermos 'casa de ferreiro e espeto de pau' ”.

Nenhum comentário: