quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Gervásio Santos - NASCEU A CHAPA AMBCOMVOCÊ

Se há algo que me estimula na luta associativa é a união em torno de ideais comuns. E este sentimento eu pude constatar na última segunda-feira, 2 de agosto, quando, na condição de candidato a presidente da AMB, recebi o apoio de expressivo número de colegas magistrados de vários estados. Estava se consolidando um projeto plural que marcará a história do associavismo brasileiro.
Marcaram presença no lançamento da nossa chapa, a Chapa AMBCOMVOCÊ, no Rio de Janeiro, representantes de 22 associações estaduais de magistrados e das Amatras. Foi um momento ímpar na nossa história, por representar a construção de um associativismo democrático, plural e participativo.
Defendo que uma magistratura forte e independente requer um associativismo com pensamentos coletivos. Daí a preocupação maior da nossa chapa em consolidar uma gestão à frente da AMB com o olhar no futuro.
Pretendemos construir um associativismo disposto a dialogar, mas que não hesitará em fazer enfrentamentos, quando necessário. Será de fundamental importância termos um associativismo proativo e capaz de travar todas as batalhas necessárias para assegurar as prerrogativas e direitos da magistratura.
No auditório da Amaerj, lotado de apoiadores da nossa chapa, tivemos a oportunidade de transmitir um pouco das nossas propostas. E não apenas isso. Recebemos, também, muitos apoios. Manifestaram-se os colegas presidentes da Amaerj, Antonio Siqueira, e da Amatra 1, nossos anfitriões, e também os ex-presidentes da AMB, Cláudio Baldino Maciel e Luís Fernando de Carvalho.
Emocionaram-me as palavras de Cláudio Baldino Maciel, que lembrou da minha trajetória no associativismo, iniciada quando do exercício da vice-presidência da Associação dos Magistrados do Maranhão, em 2002, ressaltando ter “identificado alguém com ponderação para negociar as dificuldades e disposição para fazer os enfrentamentos necessários”. Ainda palavras de Baldino: “Gervásio está preparado para dirigir a AMB”.
O desembargador Celso Limongi também compareceu ao lançamento, representando em seu discurso todos os ex-presidentes de associações presentes. Mais do que apoiar, Limongi fez a defesa da nossa candidatura por confiar e acreditar em nossos propósitos.
Expressiva, também, foi a presença dos colegas da magistratura trabalhista, que fizeram questão de dizer SIM à nossa candidatura, à Chapa AMBCOMVOCÊ. Destaco as palavras de de Carlos Rodrigues Zahlouth, do Pará, que afirmou acreditar que a nossa candidatura é um caminho para uma nova liderança e novos valores, representando renovação.
Muitos outros colegas se manifestaram e foram tantos os apoios ali recebidos, que fica difícil pontuar um a um. Mas faço aqui um agradecimento especial a todos os que estiveram presentes àqueles que não puderam comparecer, mas que acreditam nas propostas da Chapa AMBCOMVOCÊ e na construção do novo associativismo, democrático e combativo.

Nenhum comentário: