quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

MINISTRO MARCO AURÉLIO DO STF AINDA MANTÉM ARRUDA NA CADEIA


Relator pede informações ao STJ sobre decisão que decretou prisão preventiva contra governador do DF

Em despacho nos autos do Habeas Corpus (HC) 102732, o ministro Marco Aurélio (relator) pediu ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) a juntada de documentos sobre a prisão do governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda. O processo chegou ao Supremo Tribunal Federal no final da tarde desta quinta-feira (11) contra prisão preventiva de Arruda, decretada pelo STJ.

Nenhum comentário: