sábado, 17 de maio de 2008

Consulta de magistrados a banco de dados de devedores agiliza trâmite processual

A identificação, pelos juízes, das pessoas que têm dívidas para serem executadas na Justiça Federal deve ficar mais ágil. Os Tribunais Regionais Federais aderiram, nesta sexta-feira (16/5), ao convênio de cooperação institucional firmado entre o Conselho da Justiça Federal, o Superior Tribunal de Justiça e o Banco Central do Brasil, que permite utilização de mecanismo de consulta ao Cadastro de Clientes do Sistema Financeiro Nacional (CCS).
O convênio foi assinado durante sessão do CJF, feita na Seção Judiciária do estado de Alagoas, em Maceió.
Permite a pesquisa no cadastro para identificação das instituições financeiras com as quais o correntista ou o cliente e seus representantes legais ou convencionais mantêm relacionamento, o que facilita a identificação de réus e executados de forma célere para agilizar a prestação jurisdicional.

Nenhum comentário: